fbpx

3 passos para gerar conteúdo para a sua audiência

Conteúdos de qualidade, de grande relevância, conectam a audiência a uma solução, a uma resposta de grande valor e importância. Agora imagine como encontrar as palavras exatas, a narrativa precisa para atrair a atenção e gerar uma ação de relacionamento.

Pois esse é o papel do copywriter, profissional especializado em criar os conteúdos para que possam atrair, engajar e converter. Isso mesmo, esses são os três estágios de um funil de vendas.

Mas esse processo exige muito estudo e sincronicidade, fruto de muito estudo e análises de comportamentos. Primeiro é necessário entender o segmento de mercado. Fazer um estudo aprofundado nas personas, ou seja, o perfil exato do cliente do determinado produto ou serviço.

Com base nesse estudo e simulações, é possível calibrar a linguagem e desenhar uma estratégia de marketing digital eficiente. Tudo isso deve ser a base das campanhas, que podem explorar uma série de ferramentas e plataformas, dependendo do produto que for lançado.

Tudo deve ser planejado para encontrar a forma correta de publicar os posts, direcionando-os para as páginas de conversão, onde será possível fazer a ação de compra.

Existem várias ferramentas para desenhar a jornada do cliente. O Canvas é uma delas. Com o modelo de negócios é possível enxergar a proposta de valor do projeto, conectando as estratégias à essência do problema a ser solucionado.

O problema está relacionado a uma dor, a uma demanda muito importante do cliente que precisa encontrar uma solução. Esse é o ponto essencial da criação das narrativas que vão atrair os clientes para gerar a audiência e engajamento.

Para mapear o comportamento do cliente, a ferramenta mais adequada é o desenho das personas. Trata-se de uma simulação que traça o perfil exato de quem irá consumir àquele conhecimento. Um produto pode ter mais de uma persona. Lá estão os seus gostos, hobbies, preferências de redes sociais, dentre outros comportamentos que irão auxiliar na geração dos conteúdos. 

Com base nesses elementos é possível gerar os conteúdos tecendo conexões e desenvolvendo “gatilhos mentais”, frases de efeito para que os “leads” (contatos) sejam capturados em uma lista de relacionamento.

Percebe que esse trabalho é complexo? Tudo para descobrir a simplicidade, a fórmula direta de comunicar. No entanto, o projeto de funil de vendas deve levar em consideração cada plataforma de redes sociais para que as estratégias sejam conectadas e integradas.

Cada plataforma tem a sua característica e função na estrutura de geração de conteúdos. Conhecer as plataformas e as formas de medir os resultados também está presente no escopo de conhecimento dos copywriters, profissional especializado em desenhar estratégias e gerar conteúdos.

O “produtor de conteúdo”, na realidade, é o profissional que é autoridade no tema de sua especialidade. O copywriter é o redator, o que consegue traduzir àquele conhecimento em narrativas para criar o funil de vendas.

É muito comum que o especialista não conheça todas as técnicas de funil de vendas e ferramentas disponíveis para estruturar o funil de vendas. Esse é um trabalho de um time de profissionais especializados.

À medida que as campanha são lançadas e os investimentos em tráfego são aportados é possível medir com mais precisão a eficiência do copy. Esse é o momento para calibrar os conteúdos em todos os níveis.

O marketing digital é uma área que tem tudo a ver com inovação. A cultura digital exige colaboração e compartilhamento, com planos bem definidos para criar parâmetros de medição durante os processos de publicações. A modelagem é feita de forma orgânica, viva e dinâmica.

Estes elementos permeiam todos os processos, desde a produção de um e-book até o texto de um post. Todos os momentos devem ser medidos para que os resultados sejam alcançados.

Importante entender também que cada etapa do funil de vendas tem uma narrativa específica. No topo do funil as entregas de conteúdos é muito relevante e aprofundada. Com esse contato o cliente conquista confiança e é motivado a “entrar no funil”, ou seja, passa para o estágio de engajamento.

Nesse estágio o relacionamento é estabelecido de forma direta, para que a conversão seja feita. Ou seja, esse é o processo. Acontece que, ao descobrir a “fórmula”, o projeto tem grandes chances de escalar de forma exponencial, o melhor dos mundos.


Relacionados


COMENTÁRIOS